Tag Archive for ‘mal’

Estudos mostram ligação entre ingestão de laticínios e Mal de Parkinson

Imagem Zsuzsanna Kiliánleite

Estudo publicado no American Journal of Epidemiology, diz que o consumo diário de laticínios, especialmente o leite, aumenta o risco do homem de desenvolver o mal de Parkinson.

Um estudo feito com 73.175 mulheres e 57.689 homens, entre 1992 e 2001, mostrou que homens que ingeriram mais produtos à base de leite, tinham 60% mais de chances de desenvolver a doença. O queijo e o iogurte mostraram-se menos perigosos que o leite em si, nesses casos.

Estudos anteriores já haviam indicado a ligação do Mal de Parkinson ao consumo de laticínios, porém o motivo desse fato ainda é desconhecido, o que se sabe é que o cálcio, a vitamina D e a gordura não são os causadores.

O risco de desenvolver a doença, em homens, aumentou proporcionalmente à quantidade de ingestão de leite, já nas mulheres, a ingestão de leite não tem ligação com a incidência da doença.

O Mal de Parkinson é disseminado e tende a afetar mais os idosos. Aproximadamente 60.000 novos casos aparecem por ano. A doença é mais comum em homens que em mulheres.

dra-daniela-jobst-nutricionista-funcional

Dra. Daniela Jobst é nutricionista e Pós Graduada em Nutrição Clínica Funcional e Bioquímica do Metabolismo pela VP/Consultoria Nutricional/Divisão de Ensino e Pesquisa, Especialista em Fisiologia do Exercício pela Escola Paulista de Medicina (UNIFESP), membro do Centro Brasileiro de Nutrição Funcional e do Instituto de Medicina Funcional dos EUA.
Atualmente atende em consultório particular em São Paulo.
Site: www.nutrijobst.com
Gostou deste post? Leia também:

Alimentos orgânicos, escolha certa para qualidade de vida

Adoçante: Uso diário pode ser prejucial à saúde

Uma dieta rica em carne vermelha pode aumentar o risco de câncer da próstata

Baixo nível de vitamina D pode estar associado ao ganho de peso em garotas

Como amenizar a vontade de comer doces no inverno

Estudo japonês mostra que o consumo de café diminui risco de câncer de útero

Nutrição funcional pode curar doenças da tireoide

Má digestão causa sono, acne, olheiras, além de constipação intestinal e gordura localizada

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed
Ou receba as atualizações por Email
Me acompanhe pelo Twiter

Os adolescentes brasileiros se alimentam mal

Essa é uma pequena reportagem do programa Fala Brasil que mostra um pouco da realidade dos adolescentes brasileiros.

O foco é sobre o café da manhã que é a refeição mais importante do dia.  Vale a pena conferir.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=Ge6HnZxvuok]

Gostou deste post? Leia também:

O banco dos gordinhos do metrô de São Paulo

Comerciais de fast food contribuem para a obesidade infantil

Crianças obesas podem ter a idade vascular de uma pessoa com 45 anos

Médicos fazem alerta sobre geração de obesos no país

Obesidade Infantil, Brasil Pode Alcançar EUA

Propagandas, igual a alimentos pouco saudáveis

Obesidade no Brasil – Gráficos

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed
Ou receba as atualizações por Email
Me acompanhe pelo Twiter

Manter um peso saudável diminui as chances de contrair o mal de Alzheimer

alzheimer2

Um novo estudo descobriu que a relação entre peso e o mal de Alzheimer é diferente para homens e mulheres.  O mal de Alzheimer é uma desordem cerebral progressiva e fatal.  A maioria das pessoas que desenvolvem a doença de Alzheimer tem mais de 65 anos.

O estudo, publicado no “American Journal of Epidemiology”, analisou 2322 pessoas que estavam participando no “Baltimore Longitudinal Study of Aging”. 187 destes participantes foram diagnosticados com o mal de Alzheimer, o estudo teve uma duração de 23 anos.  A pesquisa foi conduzida pela Dra. May A. Beydoun do “National Institutes of Health”, em Baltimore, e os pesquisadores descobriram que:

  • Homens que estão abaixo do peso ideal (IMC menor que 18,5) durante meia-idade (30-45) tem cinco vezes mais probabilidades de desenvolver o mal de Alzheimer do que aqueles que se encontram em uma condição de peso saudável.
  • As mulheres que estão com sobrepeso (IMC superior a 30) durante a meia idade tem seis vezes mais probabilidades de desenvolver o mal de Alzheimer do que aquelas que se encontram em uma condição de peso saudável.
  • Ter muita gordura localizada na região do abdômen é um fator de risco entre as mulheres.

No entanto, a pesquisa também verificou que os homens que ganharam uma quantidade significativa de peso durante a meia idade tem 3,7 vezes mais probabilidade de desenvolver Alzheimer do que aquelas que não, e mulheres que perderam peso durante a meia idade, tinham duas vezes mais probabilidade de desenvolver Alzheimer do que aquelas que não. Estes grupos de pessoas podem não ter sido as pessoas que necessitavam ganhar ou perder peso.

Segundo a agência Reuters:

A perda de peso pode despertar processos subjacentes às doenças relacionadas com o desenvolvimento da doença de Alzheimer, sugere a Dra. Beydoun e sua equipe, observando que outros pesquisadores constataram que as pessoas com transtorno cognitivo leve que perderam peso ou estão abaixo do peso ideal estão mais propensas a desenvolver a doença de Alzheimer.

Se você quiser reduzir o risco de desenvolver a doença de Alzheimer:

  • Procure sempre estar em um peso saudável (IMC entre 20 – 25), principalmente durante a meia idade.
  • Evite dietas malucas ou ganhar peso rapidamente.
  • Consulte o seu médico se você ganhou ou perdeu peso inesperadamente.

Fonte: dietblog

Gostou deste post? Leia também:

Comerciais de fast food contribuem para a obesidade infantil

Crianças obesas podem ter a idade vascular de uma pessoa com 45 anos

Acumulação de gordura ao redor do seu abdômen pode dobrar as chances de uma morte prematura

Seria a barriga de chopp um mito?

Maus hábitos alimentares durante a gestação podem passar de mãe para filho

Caminhar 3 vezes por semana melhora o condicionamento físico

Se gostou deste post, assine o nosso RSS Feed

Ou receba o nosso Feed por Email