As 12 principais causas de mortes evitáveis nos Estados Unidos. E você faz parte destes grupos?

sexta-feira, junho 5th, 2009

camel-gigarros

  1. Tabagismo: 467.000 mortes.
  2. Hipertensão arterial (pressão alta): 395.000 mortes.
  3. Obesidade: 216.000 mortes.
  4. Atividade física inadequada e sedentarismo: 191.000 mortes.
  5. Alto nível de açúcar no sangue: 190.000 mortes.
  6. Colesterol elevado (LDL): 113.000 mortes.
  7. Dieta rica em sal: 102.000 mortes.
  8. Dieta contendo poucos ácidos graxos ômega-3: 84.000 mortes.
  9. Dieta rica em ácido graxo trans (gordura trans): 82.000 mortes.
  10. Álcool: 64.000 mortes.
  11. Baixa ingestão de frutas e produtos hortícolas: 58.000 mortes.
  12. Dieta baixa em ácidos gordos poli-insaturados: 15.000 mortes.

Fonte: Plos Medicine

Acompanhe o Blog

Me siga no Twitter Receba as últimas notícias no seu email Assine o nosso RSS Visite o meu perfil no Orkut

Você quer perder peso? Comece eliminando o refrigerante

sexta-feira, maio 15th, 2009

Imagens Rodrigo Dantas e Mark Grapengater

pepsi_gordos

Um novo estudo aponta que os refrigerantes ou qualquer bebida que tenha um alto teor de açúcar como os chás gelados ou sucos em lata tem uma grande influência sobre a obesidade, até mais do que qualquer tipo de comida.

Os pesquisadores analisaram os hábitos alimentares de 810 homens e mulheres entre 27 e 79 anos.

As bebidas foram dividas em 7 categorias:

  • Bebidas adocicadas com açúcar
  • Bebidas dietéticas
  • Leite
  • Sucos (100% naturais)
  • Café e chá adocicados com açúcar
  • Café´e chá sem açúcar
  • Bebidas alcoólicas

Os resultados

Uma perda de peso significante foi associada com a redução de calorias liquidas.

Houve uma perda de peso maior com a redução de calorias de bebidas do que com a redução de calorias de comidas.

Foi associado uma perda de peso com a redução do consumo de bebidas adocicadas com açúcar.

Nenhum outro tipo de bebida foi associado com a perda de peso.

Eu acredito que a melhor maneira de entrar em uma dieta é começar aos pouquinhos, assim você pode ir se acostumando aos novos hábitos, portanto porque não começar a eliminar os refrigerantes do seu cardápio? Eles não tem nenhum valor nutritivo e estão cheios de calorias vazias.

agua-gas-limao-2Eu consumia refrigerantes em grandes quantidades, o que me ajudou a terminar este hábito foi a troca de refrigerantes por água com gás. Eu sei que para muitos a água com gás sempre deixa um gostinho meio estranho no final, mas isso é só uma questão de você se acostumar, hoje eu não sinto mais e até prefiro água com gás do que a normal.

Aqui vai uma dica, coloque ou esprema um pedaço de limão ou laranja na água com gás, assim você vai eliminar aquelo gostinho estranho e depois de um tempo você não vai sentir mais falta dos refrigerantes.

Fonte: Healthhabits

Acompanhe o Blog

Me siga no Twitter Receba as últimas notícias no seu email Assine o nosso RSS Visite o meu perfil no Orkut

Mãe gasta mais de 30.000 reais para se parecer mais como a… FILHA!!!

terça-feira, maio 12th, 2009

mae-filha-1

Quem não gostaria de se parecer como a minha filha? Pergunta Janet que tem 50 anos e é a mãe de Jane que tem 28 anos.

A maior parte da transformação começou quando ela se separou do seu último marido e mudou da Espanha para a Inglaterra para morar com a sua filha. “Foi muito duro e eu era como uma causa perdida” diz Janet. “Eu não sabia quem eu era e onde eu me encaixava. Eu não vivia na Inglaterra há tanto tempo que eu não tinha nenhum amigo aqui. Foi um momento terrível. Eu sabia que tinha que resolver a minha vida”

Para Jane, a filha, um jeito de animar a mãe foi levá-la para sair junto com as suas amigas mas isso não ajudou muito e na verdade só fez cair a sua auto-estima pois ela se dizia que parecia como um saco velho se comparada a sua filha e suas amigas.

Por tudo isso Janet resolveu dar uma revira volta em sua vida e decidiu seguir a mesma dieta da filha. Parou de comer “junk food”, trocou batatas e massas por frango grelhado e verduras, parou de beber vinho branco durante a semana e não comia mais entre as refeições.

Com todos estes ajustes ela perdeu 12,5 kg em 4 meses e passou a usar o mesmo tamanho de roupa da filha, mas só isto não foi suficiente para Janet e ela decidiu fazer plástica nos olhos e nariz, isso sem contar que anos atras, ela já tinha feito um implante de silicone nos seios.

Mais tarde foram os lábios que receberam uma série de injeções para ficarem mais carnudos e como um toque final ela fez um implante de mega hair. Tudo isso a um custo total de mais de 30.000 reais.

mae-filha-3 mae-filha-2
Antes Depois

Hoje ela e a filha vão a bares e são paqueradas por um bando de homens que pensam que elas são irmãs. Mas segundo Janet, “Esta transformação foi para a minha própria confiança e auto-estima. Eu não fiz isso para ter um homem, sou feliz por passar o tempo com minha filha e reviver a minha juventude, graças ao meu novo visual”.

Eu sei que muitos vão falar que é ridículo e vão meter o pau na mãe cinquentona, mas não podemos deixar de ver os pontos positivos que ela alcançou através da reeducação alimentar ao perder mais de 12 quilos.

Eu até acho um pouco estranho ela querer se parecer com a filha mas se ela se sente feliz assim eu fico contente por ela e hoje eu tenho certeza que ela é mais feliz do que antigamente.

Fonte: MailOnline

Acompanhe o Blog

Me siga no Twitter Receba as últimas notícias no seu email Assine o nosso RSS Visite o meu perfil no Orkut

Paul James – Ex-modelo e personal trainer quer engordar 40 kg para compreender obesos

quinta-feira, março 19th, 2009

paul-pj-james

Essa é uma daquelas notícias que se você ouve de qualquer um não vai acreditar. O Paul James, mais conhecido como PJ é ex-modelo e atualmente é personal trainer e vive na Austrália.

Depois de 5 anos treinando ele nunca entendeu do porque muitos de seus alunos que estão acima do peso acabam desistindo das aulas ou nunca estão motivados para perder os quilos extras.

Para entender de uma vez por todas esta desmotivação, no começo deste ano ele resolveu fazer uma coisa que para muita gente, especialmente para quem quer perder peso, é uma loucura. Ele resolveu ganhar 40 quilos e manter o peso por 3 meses.

A idéia, para variar, já gerou muita controvérsia principalmente na classe médica que atesta que este tipo de dieta é muito prejudicial a saúde, segundo Boyd Swinburn, professor da Escola de Ciências da Nutrição e Atividade Física da Universidade de Deakin, PJ está arriscando sua saúde, principalmente o fígado e o coração.

PJ já nota que as pessoas começam a olhar ele de uma outra maneira, principalmente quando está treinando outros clientes e admitiu que está começando a gostar da comida do seu novo regime, que inclui 10 ovos mexidos com bacon e 3 litros de leite achocolatado!!!

A minha opinião é um pouco dividida pois não acho que ganhar 40 quilos em 3 meses reflete a vida de uma pessoa sedentária, mesmo mantendo o peso por 3 meses. Por outro lado, esta experiência reforça que estar acima do peso não é uma coisa só da genética, pois PJ em 2 meses conseguiu ganhar 26 kg. Isso demonstra que o hábito alimentar tem grande influência na saúde de qualquer pessoa.

Outro fato interessante é que ele está desenvolvendo um documentário sobre o projeto e acho que pode ser bem interessante descobrir na sua visão o que mudou na sua vida ao adicionar todos esses quilos.

Segundo PJ, seus alunos aprovam a iniciativa mas a maioria o chamam de louco, mas ele não se importa. Na sua opinião se este projeto ajudar apenas uma pessoa, todo o processo já valerá a pena.

Bom PJ, não sei se concordo com a sua idéia mas te desejo toda sorte do mundo e espero que o seu projeto possa incentivar muitas pessoas.

Clique aqui e saiba como ele voltou ao seu peso ideal

Fonte: BBC Brasil

Acompanhe o Blog

Me siga no Twitter Receba as últimas notícias no seu email Assine o nosso RSS Visite o meu perfil no Orkut

Médico troca carro pela bicicleta

quinta-feira, dezembro 11th, 2008

kasuo-miyakeMenos trânsito e poluição em troca de mais saúde e boa forma são os ganhos de quem deixa o carro em casa e dá preferência à bicicleta na hora de sair para trabalhar ou passear. “Os benefícios começam pelo sistema circulatório: ao pedalar, você movimenta as panturrilhas e incentiva o bombeamento do sangue das pernas de volta ao coração”, explica o cirurgião vascular paulista Kasuo Miyake, ele mesmo um ciclista amador que, quando pode, percorre de bicicleta o trajeto entre sua casa e o consultório, ambos na zona Sul de São Paulo. “é muito mais saudável e prazeroso, além de diminuir o número de carros circulando pela cidade”, diz. Pedalando a uma velocidade bem moderada (9 km/hora), é possível queimar cerca de 110 calorias a cada 30 minutos. No trânsito, é fácil pedalar a 15 km/h, o que aumenta o gasto calórico.

O número de adeptos da prática vem crescendo. O Night Bikers, por exemplo, começou nos anos 80 com um grupo de amigos e hoje tem mais de 2.500 sócios, que pedalam pela noite paulistana. Os encontros Pedala São Paulo, promovidos pela prefeitura da cidade, chegam a reunir 1.200 participantes. O Sindicato Interestadual da Indústria de Materiais e Equipamentos Ferroviários e Rodoviários (Simefre) estima que existam cerca de 45 milhões de bicicletas em uso no Brasil. A cada ano, 4,5 milhões de novas unidades são comercializadas.

Miyake explica que os dias frios são ideais para quem quer começar a se aventurar no ciclismo. “Só é importante que o ciclista não se esqueça de ingerir bastante líquido antes, durante e depois do exercício e não pedale em jejum ou com o estômago cheio”, diz o médico. Para que a prática seja segura, é preciso usar capacete e luvas, além acoplar à bicicleta luz de segurança atrás e na frente, retrovisor e buzina. É bom, ainda, iniciar com trajetos curtos e pouco movimentados.

A preocupação maior dos ciclistas, no entanto, deve ser com o trânsito: são poucos os motoristas brasileiros que respeitam as bicicletas, como prevê o código brasileiro de trânsito, ao contrário de outros países na Europa e na Ásia, por exemplo, em que esse meio de transporte tem preferência.

Uma história de sucesso

A Holanda é um país onde bicicleta é considerado como um meio de transporte e não como um produto de lazer e/ou entretenimento.

Para se ter uma idéia quase 85% da população possui pelo menos uma bicicleta e a utilizam regularmente, na maioria das vezes todos os dias.

Na verdade, por mais incrível que pareça, na Holanda existe mais bicicletas do que habitantes e por ano são vendidas 1,3 milhão de bicicletas.

Veja alguns exemplos de como elas são utilizadas:

Para ir ao trabalho

trabalho-bike-2trabalho-bike-1

Para fazer compras

compras-bike-2compras-bike-1

Você encontra ciclistas de todas as idades

idoso-bikecrianca-bike

Mesmo de saia as mulheres não se importam de pegar a sua magrela

mulheres-bike-2mulheres-bike-1

A maioria das bicicletas usam este dínamo que serve para dar energia aos faroletes, assim você pode pedalar tranquilamente a noite

dinamo-bike

farol-bike

Aqui você pode conferir e ter a prova de como a bicicleta é utilizada como um meio de transporte.  Dando carona a um amigo ou levando as crianças para a escola, você encontra de tudo, até mulheres pedalando com sapatos de salto alto!

carona-bike-1carona-bike-2carona-bike-3carona-bike-4

Só para se ter uma idéia de como as coisas são muito diferentes eu fiz duas pesquisas no google.  Na primeira eu utilizei os termos bicicleta e Amsterdam.  Na segunda, bicicleta e são paulo.  Será que você consegue adivinhar qual foto é de Amsterdam e qual é de São Paulo?

bike-amsterdambike-sampa

Fonte: ABN, Cycling in The Netherlands
Fotos: Portal Exame, 50graus.org, i-hostels.com, ski-epic (mais fotos de bicicletas em Amsterdam)

Blog Widget by LinkWithin

Acompanhe o Blog

Me siga no Twitter Receba as últimas notícias no seu email Assine o nosso RSS Visite o meu perfil no Orkut
SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline